segunda-feira, 18 de julho de 2011

Traçar os limites

 

Brooks deve ser ouvida de novo em OutubroFoto_Olivia Harris_Reuters

Concorrendo com as notícias sobre a crise, o ataque ao império jornalístico de Murdoch em Inglaterra tem sido a mais interessante realidade noticiosa.

Com vários e empolgantes desenvolvimentos, a responsabilização das pessoas envolvidas nos mais abjectos meios de se chegar à notícia começa a aparecer.

O poder da comunicação social tem obviamente que ser limitado por lei. Nenhum grupo de media, numa Democracia, pode chegar ao ponto de abafar a concorrência. O preço a pagar é demasiado alto … é o “vale tudo”.

2 comentários:

Wind disse...

O problema de se obter "a noticia a qualquer preco, a falta de etica jornalistica que inclui pagar, subornar ou espionar para obter titulos e de facto uma pouca vergonha, tal como e a co-dependencia entre a maquina politica e a comunicacao social. Precisa-se de uma imprensa honesta e defensora do interesse publico.

Rui Vítor Costa disse...

o império Murdoch produziu uma "boa notícia"