domingo, 6 de junho de 2010

Un Prophète


A conselho de um amigo, decidi ver o filme do realizador francês Jacques Audiard, "Un Prophète". Um filme que retrata muito bem a realidade, não só das prisões francesas mas da sociedade ocidental actual; O eterno conflito entre crenças religiosas, marca o argumento desta película.
As mais de duas dezenas de prémios, às quais se junta uma quinzena de nomeações, fazem justiça à sua qualidade, onde se destaca, claro, o grande prémio do júri de Cannes em 2009 para o seu realizador. Realço a interpretação de Tahar Rahim, no principal papel, um actor com alguma presença em séries de televisão, mas que se vê agora lançado no grande ecrã.

Para os que, como eu, apreciam um bom filme, pouco "hollywoodesco", bem ao estilo a que o cinema europeu nos habituou, então este filme é obrigatório.

2 comentários:

Rui Vítor Costa disse...

Ouvi dizer q era duríssimo!

Carlos Cravo disse...

Sim, é duríssimo! Capaz de ferir algumas susceptibilidades...